Passageiros desligam detectores de metal no aeroporto JFK

0
Foto: Pinterest.

SÃO PAULO – Onze passageiros passaram por um posto de controle de segurança sem serem examinados pelos detectores de metal antes de embarcarem em aviões no Aeroporto Internacional John F. Kennedy (JFK), em Nova York, na segunda-feira (20).

LEIA TAMBÉM: INFRAERO anuncia esquema especial de Carnaval no Aeroporto Santos Dumont

Três dos passageiros que embarcaram no JFK haviam desligado detectores de metais, mas foram autorizados a continuar para seus portões de embarque sem serem examinados disse a emissora. A autoridade portuária local disse que os três passageiros foram examinados após o avião que estavam pousou na Califórnia.

As violações ocorreram por volta de 6 horas, hora local, em uma faixa de controle que não era totalmente equipada.

As malas de mão dos passageiros foram examinadas e limpas por uma equipe de segurança com cães farejadores, disseram fontes da Transportation Safety Administration (TSA).

As autoridades dos EUA reforçaram a segurança nos aeroportos em 2001, após os ataques de 11 de setembro.

Um debate sobre se os procedimentos de segurança deveriam ser mais rigidos, foi iniciado após um tiroteio que ocorreu em janeiro em uma área de verificação de bagagem em um aeroporto na Florida e após tentativas do Presidente Donald Trump em reprimir a imigração de alguns países -a maioria muçulmanos.

A TSA disse estar confiante de que o incidente apresentou “risco mínimo para o sistema de transporte da aviação”.

Redação – Aeroagora

RWY

Deixe uma resposta

Please enter your comment!
Please enter your name here