Emirates pensa em adquirir aviões menores para sua frota

0
Foto: Master Films/ H. Goussé / Airbus

VITÓRIA – O presidente da Emirates Airlines, Tim Clark, anunciou que está abrindo a possibilidade de comprar aviões menores, de um único corredor, mais conhecidos por realizarem voos de curtas a médias distancias, ao invés de seus aviões oponentes equipados com chuveiros e barras walkup.

LEIA TAMBÉM: Oferta doméstica de voos da GOL cai 2,5% em janeiro

Clark, presidente de longa data da maior companhia aérea internacional do mundo, disse que há três estudos diferentes sob análise atualmente. Nos próximos 18 meses, a companhia aérea decidirá entre a adição de aeronaves menores como o Boeing 737MAX ou o Airbus A320neo, combinando isso com um acordo para a aquisição de aeronaves menores, ou manter aeronaves semelhantes aos da frota atual.

A possível renovação da frota seria uma partida radical para a companhia aérea de Dubai. A Emirates hoje opera unicamente com aeronaves como o Airbus A380 e o Boeing 777 que acomodam de 266 até 615 passageiros. É o maior operador do mundo de ambos os modelos.

A Emirates tem vantagem geográfica, comparada às outras companhias aéreas do oriente médio. Localizado no lado norte da península arábica, a companhia pode transportar bilhões de pessoas dentro de um voo de oito horas. Sua estratégia é de conectar dois pontos distantes no planeta usando uma única parada em Dubai, mas seus aviões nem sempre são os mais adequados para essas rota. A companhia aérea, nos próximos anos, está planejando mudar para um novo e maior aeroporto, o Dubai World Central (DWC). Clark disse que o maior número de pistas e portões significa que poderia voar para cidades menores.

Redação – Aeroagora

RWY

Deixe uma resposta

Please enter your comment!
Please enter your name here