Ministros discutem o futuro da indústria britânica de helicópteros

0
Fonte : marcusfysh

SALT LAKE CITY – Na última quarta-feira (25), Ministros da Inglaterra proporcionaram uma atenção maior na dificuldade na indústria de fabricação de helicópteros britânicos. Segundo a Unite the Union, sindicato que defende a categoria, 200 trabalhadores estão prestes a perder seus empregos.

LEIA TAMBÉM: Nas asas da história: os últimos suspiros da VASP

Marcus Fysh, Deputado conservador de Yeovil, liderou um debate a fim de intensificar sua missão de proteger e expandir a indústria de helicópteros na cidade, na House of Commons (Câmara dos Comuns) na última quinta-feira (26).

Marcus, em discussão com outros Deputados e com o Ministro Harriett Baldwin, afirmarão que departamentos governamentais, empresas e terceiros poderiam trabalhar mais de perto para proteger as indústrias e os empregos, relevando a necessidade de pensar em conjunto em um plano claro para o desenvolvimento de infra-estrutura e habilidades, de acordo com a estratégia industrial anunciada pelo Governo inglês nesta semana.

Em debate, Marcus convidou o Governo a fornecer apoio financeiro às empresas na zona de Yeovil, incentivar investimentos nos centros de desenvolvimento tecnológico, promover o uso de helicópteros feitos pela fabricante italiana Leonardo, além de assegurar prosperidade e crescimento profissional em Yeovil e outras demandas.

Apesar da grande dificuldade que apresenta a empresa GKN (fabricante de células de helicópteros de Leonardo, em Yeovil) no final do ano passado e o futuro incerto dos funcionários, o Ministro afirma que irá continuar em estreita colaboração com os Deputados e outros Ministros a fazer tudo o que pode para manter Yeovil em primeiro plano na indústria e garantir a prosperidade futura.

Redação – Aeroagora

RWY

Deixe uma resposta

Please enter your comment!
Please enter your name here